TRANSPOSIÇÃO DIDÁTICA APLICADA À EXTENSÃO RURAL: proposta a partir de um estudo de caso

  • VINÍCIUS DA SILVA SANTOS
  • ADEBIO DE JESUS RIBEIRO LISBOA
  • SÉRGIO RODRIGUES DE SOUZA

Resumo

O presente artigo aborda a temática sobre transposição didática aplicada à extensão
rural: proposta a partir de um estudo de caso. Sua relevância científica concentra-se
no fato de ampliar os conhecimentos sobre formas de transpor os conhecimentos
alcançados pela pesquisa para os produtores, criando uma forma didática de
esclarecer a estes como atuar no manejo diário do solo e na exploração racional dos
produtos agrícolas. Sua relevância social encontra-se no fato de possibilitar ao leitor
ter contato com os conhecimentos técnicos disponíveis por meio de uma linguagem
acessível. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica, fundamentada em autores do setor
de pesquisas e ensino ligados à agropecuária e ao campo da transposição didática.
Busca analisar como os conhecimentos adquiridos por meio da investigação científica
sobre manejo agrícola pode contribuir para que o produtor rural possa preparar-se
melhor para enfrentar situações de stress hídrico por falta de água (estiagem
prolongada). O estudo fundamenta-se sobre o problema da crise hídrica (seca) que
afetou a região norte do Estado do Espírito Santo, no ano de 2014, focando no
município de Ecoporanga. As conclusões a que se pode chegar é que a extensão rural
necessita de preparar-se didaticamente para que possa fazer chegar ao produtor rural
mais informações e com melhor qualidade técnica e levar dos produtores até os
centros de pesquisa inquietações e indagações sobre solo, clima, manejo e situações
de plantio e cuidados agrícolas e zootécnicos.

Publicado
2021-11-26
Como Citar
SANTOS, V., RIBEIRO LISBOA, A., & DE SOUZA, S. (2021). TRANSPOSIÇÃO DIDÁTICA APLICADA À EXTENSÃO RURAL: proposta a partir de um estudo de caso. Revista Científica E-Locução, 1(20), 18. Recuperado de https://periodicos.faex.edu.br/index.php/e-Locucao/article/view/418