CRESCIMENTO DO MERCADO DE CERVEJAS ARTESANAIS NO BRASIL

  • CAUAN GOMES FERREIRA SILVA
  • JUVÊNCIO BEZERRA LOIOLA JÚNIOR

Resumo

Este artigo foi escrito com o intuito de avaliar e mostrar em números e dados de como
a demanda e o consumo de cervejas artesanais no Brasil têm crescido nos últimos
anos. Analisando o crescimento de produtores, o aumento de produtos registrados e
a relação entre cervejarias por metro quadrado e cervejarias por habitante, também
denominada de densidade cervejeira. Nos últimos anos, o público brasileiro tem
buscado mais pela proposta das cervejas artesanais, buscando novas experiências,
sejam elas degustativas e até mesmo sociais, já que esse mercado tem sido uma
ótima maneira de socialização. O mercado local também corrobora com esse
aumento, já que pequenas cervejarias locais fazem com que o público valorize o
mercado da região, auxiliando na divulgação e no movimento da economia local. O
estudo teve como base de pesquisas artigos, dados de associações ligados à
produção de cervejas, especialistas no ramo e dados oficiais fornecidos pelo
Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). Os dados obtidos
comprovam como o mercado teve um crescimento anual constante de 2000 a 2020,
tendo uma média de crescimento de aproximadamente 20,01% ao ano no número de
cervejarias registradas. Segundo o site alemão HassGroup, o Brasil foi, em 2014, o
terceiro maior produtor de cervejas do mundo (pouco mais de 14 bilhões de litros
anualmente), ficando atrás somente de Estados Unidos e China. De acordo com o
MAPA, de 2008 a 2018, houve um salto de 70 para quase 900 cervejarias registradas.
Elas juntas, faturaram aproximadamente 2,4 bilhões de reais. Em 2019, o número
saltou para 1.209, e em 2020, o número foi para 1.383, quase 15% de aumento se
comparado ao ano anterior. Foi mostrado nesse artigo, alguns dados de autoria
própria, onde foram avaliados um grupo de pessoas consumidoras de cervejas
artesanais, desde as leigas no assunto até as consumidoras mais frequentes
Foi avaliado também, como a pandemia afetou o mercado cervejeiro, já que de 2019
para 2020, o número de produtos registrados obteve uma queda, já que não houve
eventos relacionados à cerveja, onde boa parte dos produtos que serão lançados,
recebem um feedback imediato, auxiliando o produtor a lançar o produto no mercado.

Publicado
2021-11-26
Como Citar
FERREIRA SILVA, C., & LOIOLA JÚNIOR, J. (2021). CRESCIMENTO DO MERCADO DE CERVEJAS ARTESANAIS NO BRASIL. Revista Científica E-Locução, 1(20), 20. Recuperado de https://periodicos.faex.edu.br/index.php/e-Locucao/article/view/385