A RELEVÂNCIA DO ENSINO SUPERIOR NO BRASIL: ANÁLISE DO RENDIMENTO SALARIAL DE PROFISSIONAIS NA REGIÃO SUDESTE

  • BRUNA LEÃO DE ABREU SILVA
  • ANDRÉ MARCELO PANHAN

Resumo

O ensino superior no Brasil passou por diversas mudanças no decorrer do tempo desde quando chegou em 1808. Com o passar dos anos, as vertentes tecnológicas ganharam importância e, a quantidade de dados disponibilizados pela Internet possibilitou o acesso rápido e fácil aos conteúdos de informações que anteriormente seriam aprendidas apenas em sala de aula. Perante esta realidade, este estudo visa alçar a reflexão se efetivamente o ensino terciário no Brasil, especificamente na região sudeste corrobora na agregação científica do indivíduo empregado e, consequentemente se esta contribui para a ampliação de seu rendimento salarial. Por meio de fontes de pesquisa, constatou-se um número elevado na disponibilização de cursos em instituições privadas se equiparado à pouca demanda de egressos, diferentemente dos cursos públicos, os quais possuem um cenário harmônico na prospecção de alunos, denotando um plausível interesse social no aprendizado superior, porém com escassez ao averiguar sua procura no âmbito privativo. Diante de dados obtidos pelo IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística foi possível identificar o precário rendimento salarial mensal do empregado não graduado sendo eles majoritários se comparados aos que possuem o diploma superior, ao ponto que é razoável inferir a relevância presente do ensino superior para aprimorar o rendimento salarial do profissional, bem como contribuir na carência de mão de obra qualificada às organizações.

Publicado
2020-07-10
Como Citar
LEÃO DE ABREU SILVA, B., & MARCELO PANHAN, A. (2020). A RELEVÂNCIA DO ENSINO SUPERIOR NO BRASIL: ANÁLISE DO RENDIMENTO SALARIAL DE PROFISSIONAIS NA REGIÃO SUDESTE. Revista Científica E-Locução, 1(17), 18. Recuperado de http://periodicos.faex.edu.br/index.php/e-Locucao/article/view/238